Menu fechado

Radares entram em operação em rodovias de Ribeirão Preto e Sertãozinho

A partir desta quinta-feira, 4/02, equipamentos irão fiscalizar a velocidade dos veículos nos anéis viários Norte e Sul e na rodovia Atílio Balbo com o intuito de reduzir os acidentes 

Sertãozinho, 3 de fevereiro de 2021 – A partir desta quinta-feira, 4 de fevereiro, seis radares de fiscalização de velocidade irão entrar em operação em vias sob concessão da Entrevias Concessionária de Rodovias. A homologação dos equipamentos pelo DER-SP (Departamento de Estradas de Rodagem) foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira, 3/02. Os aparelhos – importantes para reduzir o número de acidentes e aumentar a segurança dos usuários – irão fiscalizar as velocidades regulamentadas no Anel Viário Norte e Sul de Ribeirão Preto e na Rodovia Atílio Balbo, trecho de Sertãozinho.

Dois radares irão operar no Anel Viário Norte, dois no Anel Viário Sul e os outros dois na Rodovia Atílio Balbo, em Sertãozinho. Os usuários devem ficar atentos e respeitar a sinalização. A velocidade nestas vias varia entre 70 km/h e 110 km/h.

 

Confira abaixo a localização dos radares e os limites de velocidade por trecho:

Localização Velocidade

Regulamentada

Observação
SP 322 Km313+750m Oeste 90 km/h Anel Viário Sul de Ribeirão
SP 322 km310+900m Leste 80 km/h Anel Viário Sul de Ribeirão
SP 322 km333+800m Leste 110/90 km/h Sertãozinho
SP 322 km337+000m Leste 70 km/h Sertãozinho
SP328 km327+250m Norte 110/90 km/h Anel Viário Norte de Ribeirão
SP328 km334+700m Norte 110/90 km/h Anel Viário Norte de Ribeirão

 

Operação

A instalação e a manutenção operacional dos equipamentos estão previstas no contrato  de concessão, submetido à fiscalização da Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo). Antes da implantação de radares, a concessionária realiza estudos com o objetivo de mapear os pontos das rodovias com maior incidência de acidentes e a média de velocidade registrada nesses locais. “O objetivo dos radares é coibir excessos de velocidade e aumentar a segurança dos usuários”, afirma Fábio Ortega, gerente de Segurança Viária da concessionária.

A Entrevias reforça que concessionárias de rodovias não têm poder de polícia, ou seja, de fiscalizar ou aplicar multas. Os pontos onde são instalados radares e a gestão dos dados e de multas são atribuições do Poder Público, por meio do DER – Departamento de Estradas de Rodagem e da PMRv - Polícia Militar Rodoviária.

Canal de Ética e Privacidade