Menu fechado

Entrevias desviará fluxo de veículos para içar estrutura metálica de passarela na SP-333

 Operação é necessária para garantir a segurança durante a instalação da parte final do dispositivo de travessia

Marília, 07 de maio de 2020.  O tráfego de veículos na altura do quilômetro 324 da Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros (SP-333), em Marília,  precisará ser desviado para as vias marginais das 22h do dia 11 de maio às 06h do dia 12, para a realização da operação de içamento da parte central da passarela de pedestres, já em fase final de instalação nas proximidades da Avenida Guiomar Novaes, após aprovação da Artesp (Agência Reguladora de Transporte do Estado de São Paulo). Também está prevista uma mobilização semelhante para o içamento de outra passarela, perto da faculdade FAIP.

Na direção leste, para quem trafega no sentido Marília-Ribeirão Preto, o desvio para a marginal será no km 325+800 metros e o retorno à via no km 322+ 900. Já no sentido oposto, oeste, a saída será no km 323+300 e o retorno no km 326+ 800. Motoristas serão orientados pela sinalização que será feita no local e por meio dos PMVs (painéis de mensagens eletrônicas).

Para a operação será necessário o uso de um guindaste que movimentará a estrutura metálica pré-montada até a posição final de montagem.

Após o içamento ainda serão executadas outras etapas antes da entrega à população, como por exemplo a construção do piso da laje, iluminação e colocação de tela de proteção (alambrado) na parte alta da travessia, com o objetivo de evitar acidentes e quedas. Também está prevista a construção de um ponto de ônibus ao lado da rampa de entrada da passarela.

A previsão para a entrega da passarela dos kms 324 e 326 é meado de maio até o início de junho.

A definição dos locais nos quais serão instalados os dispositivos de travessia resultou de um estudo realizado logo no início da concessão, por uma empresa especializada que conduziu contagens de fluxo de pedestres, pesquisas de origem e destino, e identificou a presença de polos geradores de travessias. A mobilização para as obras iniciou-se tão logo houve aprovação da Artesp.

As obras de arte seguirão os padrões técnicos exigidos, incluindo iluminação, tela de proteção lateral, acessibilidade e dispositivos de bloqueio no canteiro central da rodovia, de modo a canalizar os fluxos de pedestres para as passarelas. A implantação desses recursos irá beneficiar principalmente os moradores e trabalhadores da zona Norte da cidade, propiciando uma travessia segura da rodovia.

Sobre a Entrevias Concessionária de Rodovias – A Entrevias Concessionária de Rodovias é responsável pela operação, manutenção e modernização do lote Rodovias do Centro-Oeste Paulista, com um total de 570 quilômetros de vias no eixo entre Florínea, na divisa com o Paraná, e Igarapava, na divisa com Minas Gerais. O contrato de concessão assinado com o governo do Estado de São Paulo – Artesp é a agência fiscalizadora – prevê investimentos de R$ 3,9 bilhões na restauração de rodovias, ampliação da malha viária e implantação de tecnologias e inovações que contribuem para prestação de serviços de alta qualidade aos usuários. Visite o site da empresa: www.entrevias.com.br. Em caso de emergência nas rodovias ligue para 0800-3000-333.